Sismac
  • 15 | 08 | 2019 - 16:49 Cultura

    Tragédia de Brumadinho é tema de CineDebate nesta sexta-feira (16)

    Tragédia de Brumadinho é tema de CineDebate nesta sexta-feira (16)
    Após exibição do documentário de Carlos Pronzato e Richardson Pontone, será realizado um debate

    Nesta sexta-feira (16), o SISMMAC sedia um CineDebate com o filme Lama, o crime vale no Brasil, a tragédia de Brumadinho. Após a exibição do documentário, que terá início às 18h30, será realizado um debate com a presença de um dos diretores, o cineasta argentino Carlos Pronzato.

    Lama, o crime vale no Brasil, a tragédia de Brumadinho

    Direção: Carlos Pronzato e Richardson Pontone
    Roteiro e edição: Carlos Pronzato
    Finalização: Richardson Pontone
    Duração: 76 minutos
    Realização: La Mestiza Audiovisual e Usina Hiper Mídia
    O filme aborda as consequências sociais e ambientais do rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, na cidade de Brumadinho (MG). Após seis meses do rompimento, foram identificados 248 mortos e outros 22 continuam soterrados. Além da tragédia social, o rompimento da barragem também teve um imenso impacto ambiental, com o despejo de 12 milhões de metros cúbicos de lama na bacia do rio Paraopeba.

    O filme tem duração de 1h16 e traz mais de 50 entrevistas com especialistas no assunto, moradores da região, militantes de movimentos sociais e representantes de órgãos oficiais, além de materiais de arquivo relacionados com o episódio.

    Pronzato é um cineasta argentino radicado no Brasil e um dos principais documentaristas da atualidade, com foco em temas populares e processos de lutas.

  • 15 | 08 | 2019 - 16:49 Cultura

    Tragédia de Brumadinho é tema de CineDebate nesta sexta-feira (16)

    Tragédia de Brumadinho é tema de CineDebate nesta sexta-feira (16)
    Após exibição do documentário de Carlos Pronzato e Richardson Pontone, será realizado um debate

    Nesta sexta-feira (16), o SISMMAC sedia um CineDebate com o filme Lama, o crime vale no Brasil, a tragédia de Brumadinho. Após a exibição do documentário, que terá início às 18h30, será realizado um debate com a presença de um dos diretores, o cineasta argentino Carlos Pronzato.

    Lama, o crime vale no Brasil, a tragédia de Brumadinho

    Direção: Carlos Pronzato e Richardson Pontone
    Roteiro e edição: Carlos Pronzato
    Finalização: Richardson Pontone
    Duração: 76 minutos
    Realização: La Mestiza Audiovisual e Usina Hiper Mídia
    O filme aborda as consequências sociais e ambientais do rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, na cidade de Brumadinho (MG). Após seis meses do rompimento, foram identificados 248 mortos e outros 22 continuam soterrados. Além da tragédia social, o rompimento da barragem também teve um imenso impacto ambiental, com o despejo de 12 milhões de metros cúbicos de lama na bacia do rio Paraopeba.

    O filme tem duração de 1h16 e traz mais de 50 entrevistas com especialistas no assunto, moradores da região, militantes de movimentos sociais e representantes de órgãos oficiais, além de materiais de arquivo relacionados com o episódio.

    Pronzato é um cineasta argentino radicado no Brasil e um dos principais documentaristas da atualidade, com foco em temas populares e processos de lutas.

Rua Nunes Machado, 1644, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS